A Ilha do Dragão

Cheguei a S. Jorge, a 4ª ilha no meu percurso.

Algo de que não falei ontem, e que tem tido uma grande importância nesta aventura, são as pessoas que tenho encontrado ao longo do caminho: portugueses, alemães, franceses, holandeses e brasileiros… encontramos um bocadinho do Mundo andando aqui pelas ilhas, criam-se laços, forjam-se amizades inesperadas… sem dúvida que saio de cada sitio um pouco mais rico.

A seguir ao almoço lá fui eu até à Ponta dos Rosais.

SJ1_FotorSJ8_Fotor

Estava um dia fantástico e aqui consegue-se ter a nitida sensação  de estar num arquipélago. Consegui ver o Pico, o Faial, a Terceira e até a Graciosa… impressionante! O local é fantástico, o mar estava “azeite” (como se costuma dizer na Terceira) e o mar tão azul… mas fiquei um pouco triste ao ver o estado de abandono do farol.

Amanhã cedo vou para a Fajã do Santo Cristo e passo lá a noite, por isso não vou ter internet e nem sei se terei rede de telemóvel mas vou tentar dar noticias.

Boas pedaladas!