Separados pelo mar e pelos números

Viagem para o Pico - Pedalaçores9.080.000 Euros é o o valor do contrato entre o governo regional dos Açores e a Hellenic Seaways para garantir a operação dos barcos inter-ilhas durante o verão de 2013 e 2014. Apesar do valor “reduzido” é muito dinheiro.

Para a operação de 2013, a Atlanticoline avança com 4% de redução no transporte de passageiros nas suas 487 viagens previstas (Jornal Terra Nostra, 11 de outubro de 2013). Como não podia deixar de ser, “a crise” foi apontada como um dos fatores que contribuiram para esta redução, entretanto, depois de navegar por todas as ilhas possíveis a bordo do Express Santorini e do Hellenic Wind não consigo deixar de olhar para este montante, 9 milhões, e ficar curioso. Continuar a ler

Anúncios

O Mestre Simão chegou a Horta para melhorar a mobilidade nas ilhas do Triângulo.
Será que tem um lugarzinho para as bicicletas ou será só para os carros mesmo? 🙂
(Como o Facebook acha o site do jornal Tribuna das Ilhas “inseguro” tivemos que improvisar)

Veja a reportagem no jornal Tribuna das Ilhas

Haverá luz no fim do túnel?

Graciosa - PedalaçoresNão está fácil ser-se cidadão nos dias de hoje e foi complicado digerir nas últimas semanas os debates políticos à volta das eleições nos Açores e consequentemente o resultado das mesmas.

Foi um constante massacrar de idéias repetidas e um tanto quanto vagas que nos foram apresentadas ao longo das semanas que antecederam as eleições e se as palavras “centralidade” e “plataforma” fossem proibidas no discurso político acho que pouco ia sobrar. De uma ponta à outra dos Açores, da maior até a menor freguesia acho que poucos se salvaram. Eu tenho o “orgulho” de viver numa freguesia onde a abstenção foi de 64.88%, ou seja, a maior do concelho. Continuar a ler